Alimentação no Triathlon: o que comer antes, durante e após a prova

Descubra o que não pode faltar na sua dieta para ter um bom desempenho na competição

Alimentação Triathlon.

Como sabemos, o triathlon consiste em natação, ciclismo e corrida em uma única prova, configurando um esporte em que os triatletas têm um enorme gasto energético.

Por isso é necessário um cuidado redobrado, quando o assunto é alimentação. É preciso organização, desde o começo dos treinos, para saber o que reage melhor ao seu organismo e ir adaptando o que for necessário, para atingir o seu objetivo.

Além de treino, hidratação e descanso, a alimentação para uma prova como o triathlon é recheada de estratégias para obter maior excelência na prática esportiva e garantir energia até o final.

Com a alimentação para triathlon correta, o competidor consegue dar energia ao corpo, nutrir as células com vitaminas e sais minerais, aumentar a massa magra e melhorar o seu rendimento físico.

A maior parte da dieta é composta por carboidratos, fonte de energia do organismo, juntamente com as proteínas, que ajudam a construir e reconstruir as células, principalmente dos músculos. É preciso manter a hidratação constante e eliminar alimentos gordurosos e doces das refeições.

Alimentação antes do Triathlon

Para quem busca um bom rendimento físico, é preciso tomar cuidado na alimentação antes da prova Triathlon.

Como já sabemos, a principal fonte de energia do triatleta vem dos carboidratos, então, é importante dar preferência para esse grupo alimentar, apostando em alimentos como batata, mandioca, cereais e massas. Mas não exagere: coma o que está habituado a comer.

Uma dica importante é não passar mais de 3 horas sem se alimentar. Antes da prova, opte por lanches como frutas secas, frutas sem casca, sucos, barras energéticas e biscoitos salgados.

A hidratação é outro ponto de extrema importância para o sucesso na competição, podendo o atleta apostar na ingestão de água, sucos, chás, água de coco e isotônicos. E ah: lembre-se dos eletrólito, pois aumentar a ingestão de sal é fundamental.

Evite alimentos que não está acostumado a consumir, já que a prova poderá gerar desconforto, devido à adrenalina, deixando o seu estômago sensível demais para novas experiências.

A alimentação antes do Triathlon também precisa de alguns cortes. Reduza o consumo de fibras e evite gordura e lactose em excesso como frituras, leite, creme de leite, refeições à milanesa, molhos com queijo, etc.

Além disso, comidas cruas, tais como saladas e comida japonesa, também podem não cair muito bem.

Alimentação durante o Triathlon

Outro ponto de destaque é a alimentação durante a prova de triathlon. Enquanto estiver competindo, consuma pelo menos 50g de carboidratos por hora, para poder manter a taxa de açúcar no sangue equilibrada e produzir energia.

É interessante beber água junto, para facilitar a absorção. Não fique mais de 40 minutos sem ingerir carboidrato.

É importante saber, desde os treinos, a quantidade de água que seu corpo precisa para se manter hidratado, até o final do Triathlon. A maioria dos atletas consomem uma média de 200ml de água a cada intervalo, entre 10 a 20 minutos.

Há, também, a necessidade de repor o sal do seu corpo. Para isso, existem as cápsulas de sal – também conhecidas como eletrólitos – que ajudam a repor o sódio perdido através do suor, ajudando a recuperar os nutrientes perdidos.

Se, durante o percurso, você sentir tontura, fraqueza ou ânsia de vômito, é provável que esteja com hipoglicemia e precise de bebidas com alto teor de açúcar como refrigerantes ou balas de goma.

A alimentação durante o Triathlon precisa ser prática, como, por exemplo, frutas secas, cereais, balas, cápsulas. Evite comidas densas demais.

Alimentação depois do Triathlon

É importante manter uma dieta saudável, de forma constante, para que não faltem nutrientes. Não importa o suplemento que o atleta encontrar no mercado, pois, após uma prova desse nível, sem a alimentação correta, o corpo pode não dar conta de repor todas as exigências do seu corpo.

A alimentação depois da prova do Triathlon precisa ser repleta de carboidratos para repor toda a energia dos músculos e proteínas que auxiliem na recuperação das microlesões, evitando assim as fadigas musculares e inflamações.

Alimentar-se de pães, massas, batatas, arroz (carboidratos) mais leite, ovos e carnes magras (proteínas), é uma boa pedida. Não esqueça de beber muita água: nessa fase é necessário hidratação máxima!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

3 Respostas

Deixe seu comentário