Como organizar uma corrida de rua em 7 passos

A realização de um evento esportivo exige organização e cuidado e, por isso, preparamos uma lista com o que não pode faltar na sua corrida de rua.

Como organizar uma corrida de rua

No Brasil, as corridas de rua vêm ganhando espaço entre os eventos populares, pois é um acumulado de bem-estar, diversão, retorno financeiro e incentivo à saúde.

Esse tipo de ocasião é atrativo, não somente para atletas, mas, também, como entretenimento para a plateia, que vibra junto aos participantes.

Participar de um evento esportivo é sempre divertido, mas quando o negócio é organizar, como fazer uma boa corrida de rua?

É claro que isso exige paciência e organização e, pensando nisso, preparamos alguns passos essenciais para que atletas, público e patrocinadores fiquem satisfeitos.

Siga e conheça os 7 passos principais de como organizar uma corrida de rua.

1.  Definição do percurso

Se você está organizando a sua primeira corrida, a recomendação é que não escolha um percurso muito grande (como as de 10 ou 15 quilômetros, de rua), pois é mais difícil conseguir uma autorização para interditar todo esse espaço, além de precisar dispor de maior infraestrutura para controlar o trajeto.

Para completar a distância da prova, os competidores podem passar mais vezes, pelo mesmo lugar.

O espaço da corrida deve ser de acordo com o número esperado de atletas e público, para que seja confortável para todos. Um lugar mais plano e com poucos obstáculos será o ideal.

Decida entre maratona e meia maratona, lembrando de sempre deixar os detalhes do trajeto claros para o seu público. Esse item é tão importante que vai precisar estar anexado ao requerimento que irá para o órgão público responsável.

2.  Organização da estrutura da corrida

Depois que você decidiu o local e a quilometragem necessária para montar a corrida de rua, chegou a hora de estabelecer as etapas e listar tudo que será necessário no seu evento.

O recomendado é que faça um checklist para que nada fique para trás. Tenha ao seu lado uma equipe de profissionais e amigos que apoiam a ideia, pessoas que já trabalharam em corridas de rua e entendem das regras da competição, pois eles serão o seu maior suporte nesse evento.

A partir de então, reúna-se com os organizadores e decida a modalidade da corrida, distância, a possibilidade de categorizar por gênero ou idade e se é voltada para amadores ou profissionais.

Cada detalhe citado é importante, pois, assim, o seu público-alvo sabe se está preparado para o evento proposto.

É importante saber que a sua organização deve compor valores de taxas, divulgação, premiação e estrutura, contendo:

  • Treliças;
  • Pódio;
  • Grades ou faixas de proteção;
  • Caixas de som;
  • Display de cronometragem;
  • Backdrop - um ótimo produto para vender, ao elaborar uma proposta para patrocinadores;
  • Locutor;
  • Ambulância;
  • Banheiro químico;
  • Segurança;
  • Kits de corrida de rua que são indispensáveis. Os kits costumam conter: camiseta da corrida, boné, viseira, toalha, lanche, água, chip de cronometragem e medalha, que devem ser distribuídos para todos os participantes.

3.  Autorização da prefeitura

Não existe nenhum padrão para autorização e, por isso, você irá precisar ir até a prefeitura da sua cidade, para verificar as exigências necessárias a fim de dar início à emissão de alvarás e licenças.

Tenha tudo definido e coloque cada detalhe no papel, para mostrar organização e responsabilidade, facilitando a liberação dos processos.

É necessário que a data da corrida não coincida com nenhum outro evento da cidade. Além disso, podem existir alguns locais que a prefeitura não autoriza que sejam interditados - essa é a importância de escolher bem o percurso e ter uma possível segunda opção em mente.

4.  Patrocínio

O patrocínio é uma ótima pedida para dar credibilidade e baixar os custos do evento. Através de um ofício de patrocínio, busque marcas e instituições que tenham relação com esporte, saúde, bem-estar e que sejam bem vistas pelo público.

Esses patrocinadores podem contribuir de diversas formas: leve propostas, mas ouça-as, também.

Não esqueça dos kits da corrida, pois algumas empresas podem fornecer acessórios em troca da divulgação da sua marca, além de colocar stands distribuídos nas redondezas.

No final do evento, não esqueça de dar um retorno aos apoiadores através de agradecimentos e fotos divulgando a marca.

5.  Hidratação e alimentação

É de extrema importância a hidratação e alimentação dos atletas antes, durante e depois da competição.

Além disso, é fundamental distribuir, ao longo do percurso, em pontos estratégicos, staff, com copos de água e isotônicos. Pontos de hidratação nunca são demais: invista!

6.  Divulgação

Agora que está tudo preparado, busque o seu público. Para isso, o ideal é ir até onde você pode encontrar atletas em potencial e de níveis mais avançados dispostos a competir.

Associações, instituições e lojas associadas à prática esportiva e bem-estar, academias, clubes, praças, além de portais jornalísticos, em diversas mídias como rádio e TV, flyers e cartazes, pela cidade.

Outra forma muito prática e gratuita, é a internet. Então, invista na sua marca e no seu conteúdo, crie contas em plataformas como Facebook, Instagram e Twitter e faça postagens antes, durante e depois do evento.

Essas postagens podem conter informações da corrida de rua, sobre práticas esportivas e ajudar a divulgar as marcas que estão patrocinando o evento.

Além do mais, durante a corrida, algumas redes sociais possibilitam a transmissão ao vivo, como o Facebook, Instagram e Youtube, dando cada vez mais confiança aos participantes dos futuros eventos organizados por você.

Não esqueça de passar nenhuma informação como local, data, horário, modalidade, distância e categoria: isso evita possíveis dúvidas que geram desinteresse.

A divulgação é a chave do sucesso do seu evento: invista em todas as possibilidades.

7.  Inscrições e ingressos

Informar o período de inscrições, valor e pontos de vendas com antecedência é importante.

Definir pontos de vendas em lojas de artigos esportivos, academias, clubes e, principalmente, na internet, facilita a venda e compra dos ingressos, pois assim, ou se compra casualmente ou no conforto de casa. O ideal é disponibilizar mais de uma forma de pagamento, como dinheiro ou cartão.

E, ah, não esqueça de sortear ingressos, criar cupons de descontos para grupos como alunos de determinada escola ou academia e pensar num valor especial para corredores acima de 60 anos.

Aproveite os formulários de inscrição para conhecer o público do meio esportivo e garantir a presença deles, no seu próximo evento.

Organizar um evento esportivo não tem segredo

Com planejamento, divulgação e tudo dentro das leis e regras, irá dar certo, com toda certeza.

Preste atenção nos detalhes, pois são importantes, e tenha ao seu lado uma equipe com membros suficientes para suprir todas as necessidades do evento.

É válido alocar uma pessoa responsável pelas decisões e que tenha pleno conhecimento da organização da corrida de rua.

Siga o seu cronograma, seja paciente e boa sorte!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

7 Respostas

Deixe seu comentário