7 ideias de eventos para inspirar organizadores

Se você deseja realizar um evento diferente, mas está sem ideia do que fazer, não se preocupe, trouxemos sete tipos de eventos que podem ser realizados em qualquer lugar, trazendo à tona o espírito esportivo e incentivando à saúde e o trabalho em equipe.

Ideias de eventos

Em um único dia, pode-se obter aprendizados que mudam as pessoas para o resto de suas vidas. Seja com um grupo de amigos, família ou simplesmente gritando o nome de um competidor na arquibancada, a participação em competições tem a capacidade de fazer alguém se sentir preparado para realizar coisas novas.

O esporte em si é emocionante e leva lições por onde passa. Muitas vezes, trazer um pequeno diferencial para os eventos esportivos de uma cidade ou até mesmo um bairro, pode incentivar práticas saudáveis e ensinar a importância da união e respeito ao próximo.

Mas como fazer isso? Trouxemos algumas ideias de eventos que podem ajudá-lo a inserir o espírito esportivo na sua região com categorias que são e devem ser cada vez mais valorizadas, tornando a competição algo divertido e esperado por todos.

7 ideias de eventos para inspirar

1.  Gincana em família

Quer uma forma melhor para unir uma família? As gincanas são divertidas e podem movimentar o corpo e a mente com atividades físicas e estratégicas. Para fazer isso, pense em um circuito de dinâmicas e práticas que somam pontos para indicar o vencedor.

Ela pode ser realizada em um dia ou até mesmo meio período, isso dependerá do número de participantes por família, quantas se inscreverão e o número de etapas que a gincana terá.

Quanto maiores forem esses números, maior o tempo de competição, por isso seja organizado e realize um bom planejamento de evento esportivo.

2.  Campeonato infantil de futebol

O esporte exige cumprimento de regras, tornando-se há muito tempo um instrumento de ensino de disciplina e trabalho em grupo, coisas que devem ser aprendidas desde a infância.

A maioria das crianças são ativas e possuem muita energia para gastar. Trazer a opção de criar um pequeno time e estimular a união entre pais e filhos pode ser ótimo para a saúde da família e a educação dos pequenos.

Se você está com dúvida se pode dar certo na região onde você mora, realize antes uma pesquisa com enquetes online. Mesmo parecendo uma ideia distante, muitas pessoas podem se unir a criar e treinar times pela diversão e participação.

3.  Disputa entre bairros

Essa dica é ótima para cidades pequenas, onde os bairros são menores e já existe maior conhecimento e união entre as pessoas, podendo realizar um evento esportivo na comunidade que começa e termina de forma organizada e saudável.

A disputa pode ser um pequeno campeonato de futebol, handebol, basquete ou ainda um esporte que seja muito praticado na sua região, mas não exista uma competição para os atletas mostrarem o seu talento. Além de criar algo novo, você valoriza o que é destaque onde você mora.

4.  Gincana para a terceira idade

A terceira idade está cada vez mais ativa nas competições e incentivar uma gincana que trabalhe o corpo e a mente é ótimo para fazê-los se sentirem bem e ainda cuidarem da saúde.

A sugestão aqui é uma gincana com atividades mais leves e acompanhadas por profissionais como fisioterapeutas, reconhecendo o limite de cada competidor.

Mas ainda pode-se estimular outro tipo de campeonato, como o de xadrez, que é grandemente reconhecido e estimula a estratégia trabalhando a memória, a concentração e o raciocínio lógico.

5.  Campeonato feminino

Com certeza existem mulheres atletas onde você mora, mas já notou se existe espaço para elas demonstrarem seus talentos e competirem? Se a resposta for “não”, essa é a sua chance de lançar um evento diferente somente para o público feminino.

Você pode começar com um único esporte, como futebol, vôlei ou handebol ou criar uma sequência de atividades como uma mini maratona. Mas lembre-se de não realizar esse evento somente em datas comemorativas à mulher, o objetivo é dar espaço no meio esportivo.

6.  Disputa entre classes ou escolas

Uma coisa é certa: o adolescente ama competir. Então, por que não estimular esse espírito entre as escolas? Além de um evento recreativo de incentivo ao esporte, pode ser utilizado para comemorar, por exemplo, o dia do estudante, com uma semana de atividades.

Com a chegada da tecnologia, os campeonatos se resumem nos eventos virtuais, tornando essa uma ótima oportunidade de convívio e comunicação entre os mais jovens, além de colocar o corpo para trabalhar.

Isso não descarta a possibilidade de colocar jogos online entre as categorias da disputa, ok? Com certeza seria um ótimo motivo para participarem. O interessante é unir o que eles já amam com coisas que precisam fazer, como praticar esportes e cuidar da saúde.

Agora é você, organizador, que decide o tamanho do evento. Para os mais grandiosos, a disputa entre escolas é excelente, já para eventos um pouco menos, competir entre as classes é o suficiente.

7.  Gincana de verão

O verão é a estação perfeita para as gincanas. Está quente e ainda existem as férias das crianças, que precisam do máximo de distração para não virar a vida dos pais de cabeça para baixo.

O calor pede água, então imagina uma gincana com várias competições que a envolvem? Queimada com balões de água, vôlei com esponja molhada, escavação de miniaturas no gelo, entre outros. Ideias não faltam para criar uma série de atividades super divertidas.

Lembre-se de preservar a segurança dos participantes com atividades que respeitem as limitações e ter sempre um profissional da saúde e corpo de bombeiros por perto.

Os eventos que envolvem crianças, precisam da autorização e, quando possível, a presença dos pais, já que o apoio familiar é fundamental na inserção dos pequenos no meio social.

Pronto! Seja gratuito ou pago, agora você deve começar a realizar o planejamento e a organização do evento que mais gostou.

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário