Nado Crawl ou Livre: 7 Dicas para aperfeiçoar a prática

O nado Crawl está entre as técnicas de natação mais comuns, mas nem por isso quer dizer que todos a realizam com perfeição. Confira algumas dicas de como tornar seu nado o melhor possível!

Nado crawl ou livre natação.

A natação é um esporte bastante completo e possui estilos de nado diferentes, cada um com sua particularidade. O principal tipo, normalmente até o primeiro que os nadadores aprendem, é o nado crawl. Também é o estilo mais usado por esportistas em provas de nado livre.

O nado crawl se caracteriza por ter movimentos sincronizados de braços e pernas. Para tornar a técnica desse modo de natação ainda mais perfeita, existem algumas dicas que você pode seguir, uma delas é nadar usando um flutuador nas pernas para ter maior concentração na hora de movimentar os braços.

Além dessa dica, há muitas outras para ajudar nadadores a aprimorarem a técnica. Então, se você faz parte desse grupo de atletas e está em busca do melhor nado crawl possível, confira a lista a seguir:

Como funciona o nado Crawl

Para realizar esse tipo de nado, o ideal é que os braços sejam alternados na água, ou seja, enquanto um dos braços está sendo levantado para fora da água, o outro está sendo mergulhado. Ao mesmo tempo, as pernas fazem uma movimentação semelhante: enquanto uma sobe, a outra desce - a diferença é que as pernas não saem da água.

Durante o nado crawl, o corpo fica na horizontal a todo momento e a respiração pode variar de atleta para atleta, alguns respiram a cada duas braçadas, outros a cada três.

Por que o nado Crawl é tão popular?

São três os principais motivos para essa modalidade da natação ser tão utilizada entre os atletas: a velocidade, a facilidade e o fortalecimento muscular. De maneira geral, o nado crawl consegue ser o estilo que permite maior velocidade devido ao estilo de braçada que dá mais impulso e propulsão durante o percurso.

Além disso, este é um estilo simples, sendo, inclusive, a primeira modalidade ensinada em cursos de natação. Por último, ele é um modo conhecido por ajudar a fortalecer diversos músculos do corpo, pois além dos braços e das pernas, também influencia nos ombros. Agora que conhecemos alguns dos benefícios, vamos às dicas para aperfeiçoar a prática:

1.  Alongamento

Uma das melhores coisas que você pode fazer para melhorar a técnica do nado crawl é alongar antes e depois de cada treino. Isso vai ajudar a dar maior mobilidade nas articulações dos ombros.

2.  Respiração

Sempre preste muita atenção à respiração para evitar ficar sem fôlego durante o nado. O ideal é tentar manter um padrão para inspirar e expirar, mas tente encontrar o que funciona melhor para você durante os treinamentos. Alguns atletas se sentem mais confortáveis para respirar a cada duas braçadas, enquanto outros preferem a cada três.

3.  Nado com um braço só

Esse tipo de treinamento é bom para os nadadores perceberem melhor como funciona a braçada e entender, por exemplo, quais partes do braço fazem mais força e qual a movimentação mais eficiente. Apesar de ser uma boa dica, cuidado para não forçar demais nesse tipo de treino e sempre alterne os braços a cada 25m.

4.  Alinhamento da coluna

Assim como é importante ter uma boa postura no dia a dia, dentro da água ela ajuda a tornar a técnica de natação melhor. O tronco deve ser mantido reto e a cabeça alinhada ao corpo. Para um nado crawl mais eficiente, mantenha os olhos sempre no fundo da piscina!

5.  Batida das pernas

Muitas pessoas acabam usando a força dos joelhos para fazer a batida das pernas durante o nado crawl, mas o correto é utilizar a força dos quadris nesse momento. Você vai saber que está fazendo certo ao sentir os músculos dos quadris cansados.

6.  Rolamento

A movimentação não é um rolamento completo, mas pode-se chamar assim por conta do movimento realizado durante o nado. A cada braçada dada, o corpo se gira levemente para dar maior impulso e força para a próxima braçada.

7.  Relaxamento

Quando você vê um profissional nadando, parece que ele não está nem fazendo força para atravessar a piscina de um lado ao outro, não é mesmo? O truque é tentar relaxar o corpo para tirar o máximo de proveito da sua movimentação, sem forçar demais e parecer que está lutando contra a água.

Esses são alguns truques que podem ser benéficos no seu treino de nado crawl. Se você está procurando meios de aperfeiçoar sua técnica, considere os pontos que você acabou de ler e tente adicioná-los no seu treinamento. Quanto antes fizer isso, mais cedo terá uma técnica perfeita e mais profissional!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

2 Respostas

Deixe seu comentário