O que é Acroyoga? Conheça os benefícios e como praticá-la

Para quem deseja alcançar equilíbrio e força com um exercício capaz de beneficiar o corpo e a mente, a acroyoga é uma ótima ideia.

Acroyoga

Se você cansou do treino funcional em casa e está buscando um exercício que tire você da correria do dia a dia e faça mergulhar em momentos de paz, mas com alguma animação e que possa ser praticado ao ar livre, cuidando do seu corpo e da sua mente, anote a acroyoga na sua lista.

A prática, que envolve posturas do yoga, acrobacias e massagem tailandesa, é divertida e totalmente segura. Se você procura uma atividade diferente e ainda não conhece essa, sugerimos que descubra todos os encantos da acroyoga com a gente!

O que é acroyoga

Para que um exercício seja considerado acroyoga, é preciso contar com três elementos: base, voador e anjo. É um exercício que não é praticado sozinho.

A base é a pessoa que levanta a outra, o que possibilita que as acrobacias sejam feitas. Portanto, a base precisa ser flexível, forte, transmitir confiança e ser uma pessoa que se comunique de forma calma.

Já o voador, também conhecido como flyer, é a pessoa que vai ser levantada para fazer os movimentos. É preciso que tenha um biotipo mais leve, além de ser flexível e ter controle, tanto emocional quanto da movimentação em si.

E o anjo, ou portó, que é a pessoa responsável por evitar que acidentes aconteçam. É quem precisa prestar muita atenção e transmitir confiança para a base e para o voador. O anjo também mostra os movimentos que devem ser executados, auxilia a fazer a atividade e também corrige alguma postura errada, quando for preciso.

Diferentemente de outras modalidades de atividades acrobáticas, a acroyoga não se trata apenas de superar desafios por meio de acrobacias, mas aprender a lidar com outras pessoas. Você coloca a sua integridade física nas mãos de outras pessoas e, para isso, é preciso desenvolver a confiança no outro.

É um lindo processo, cheio de benefícios.

Benefícios da acroyoga

A prática da acroyoga é recomendada para pessoas de todas as idades, inclusive crianças e idosos. Para quem não é muito fã de academia, mas também não tem paciência para fazer yoga, essa é uma terceira via muito interessante.

Os benefícios, como já citamos, vão além dos ganhos corporais como força, consciência corporal, resistência e flexibilidade. Os praticantes enxergam também melhoras na autoestima, mais foco e também maior confiança - em si mesmo e nos outros.

Enquanto a yoga é a busca pelo autoconhecimento, a acroyoga depende de outra pessoa para acontecer. Portanto, a prática gera conexão entre você e outra pessoa por meio do exercício. Por isso é bem comum que casais busquem realizar essa atividade.

Como praticar acroyoga

Antes de começar a praticar, é importante conhecer algumas dicas da acroyoga para iniciantes:

  • Façam alongamento antes de começar qualquer movimento.
  • Busquem manter os pés sempre limpos, pois eles vão tocar na outra pessoa.
  • Usem roupas mais próximas ao corpo, evitando excesso de tecidos.
  • Falando nisso, as roupas precisam ser, acima de tudo, confortáveis.
  • Executem as atividades com orientação de um profissional.
  • Tenham paciência um com o outro - vocês podem levar algum tempo até conseguirem realizar todos os exercícios de acroyoga.

Importante: além de contar com a supervisão do anjo para evitar movimentos errados ou até mesmo quedas, não é aconselhado que pessoas com problemas na coluna, nos punhos, labirintite ou pressão alta pratiquem esse exercício, pois a prática pode piorar essas situações. Consulte seu médico para avaliar a realização da atividade.

Veja também:
10 maneiras de como acelerar o metabolismo
Flexão plantar: o que é, execução e tipos
O que são alimentos construtores e quais são e suas funções

Acroyoga avançado

Com o tempo, a dupla vai aprendendo as posições e já pode executá-las com facilidade e alegria. Listamos as quatro mais conhecidas:

1.  Pássaro

Acroyoga pássaro

A base deve ficar com as pernas firmes estendidas a 90 graus e pés retos próximos à crista ilíaca do voador, que é o osso do quadril. O voador mantém o corpo todo firme, como se fossem uma peça só.

2.  Box

Acroyoga box

Com os corpos alinhados, base e voador sobem juntos no contrapeso para aquecer a região do abdômen, trabalhando firmeza corporal e confiança.

3.  Morcego

Acroyoga morcego

Conhecida também como bat, essa postura é ótima para massagear a coluna cervical.

4.  Trono aberto

Acroyoga trono aberto

A base posiciona os pés na coxa interna do voador. O voador entrelaça as pernas na parte da frente da base para se firmar, com o queixo no peito. Ótimo para trabalhar o equilíbrio.

Quantas posições incríveis, não é mesmo? Encontre uma dupla, um profissional competente e comece o quanto antes a praticar esse exercício que pode render belas fotos!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário