Qual a melhor forma de controlar a respiração na corrida?

Confira algumas dicas para controlar a respiração na corrida da melhor forma, cuidando da sua saúde e atingindo resultados melhores.

Controlar respiração corrida

Você já deve ter ouvido de tudo: que inspirar pelo nariz e expirar pela boca é melhor, que o certo é respirar somente pela boca, ou até que você deve respirar conforme o ritmo das suas passadas. Ufa!

A gente ouve de tudo um pouco mesmo e, na verdade, toda estratégia pode ser válida. Preparadores físicos sabem que uma forma de respirar confortável ajuda a cumprir as metas.

Portanto, se você respira melhor com a tática que escolheu adotar, ela pode servir bem para o seu caso. O que queremos com este artigo é trazer algumas dicas que podem ajudar você a não perder o fôlego no meio da corrida.

No início da corrida

Enquanto faz o aquecimento e no início da corrida, mantenha a respiração o mais natural possível. Quando começar a correr com mais intensidade e sentir que seus batimentos cardíacos estão aumentando, dê um ritmo à respiração conforme essa intensidade.

Amplie um pouco o tempo de inspiração e expiração para não ter a sensação de cansaço.

Não faça apenas corrida

Praticar outras atividades como natação, meditação ou yoga pode ser ótimo para ajudar no controle da respiração nas corridas. Você conseguirá respirar de maneira melhor.

Busque ar puro

Sua respiração vai ficar mais agradável e mais leve se buscar espaços como parques arborizados, ao invés de um trecho mais urbano, com muito movimento, carros e paradas forçadas em semáforos.

Use a preparação física a seu favor

Mantenha uma rotina de exercícios físicos que desenvolvam os músculos das paredes abdominal e torácica, já que são elas as chefes do mecanismo da sua respiração.

Movimentar o aparelho respiratório é um dos pontos importantes para uma melhor forma de controlar a respiração na corrida.

Exercícios de rotação da coluna vertebral e estabilização — abdominais, elevação pélvica, flexões e prancha abdominal — são os melhores para esses casos.

Tenha paciência

Se você está começando a praticar corridas, não fique ansioso para encontrar um ritmo de respiração perfeito. Vá aumentando a intensidade das suas corridas aos poucos.

Conforme você entende a sua própria marcha, também vai entender como controlar a sua respiração.

Um teste que você pode fazer é começar a correr com um amigo e perceber se durante a passada você consegue pronunciar uma frase completa sem sentir falta de ar. Se não conseguir, possivelmente você não está correndo em uma velocidade que consiga controlar o ritmo respiratório.

Preste atenção na sua barriga

A dica pode parecer engraçada, mas é verdade: use o abdômen e não o peito para aproveitar melhor o oxigênio que você respira.

Para entender o que queremos dizer, deite e inspire o ar de forma que a barriga fique cheia e expire até que ela esvazie. Na corrida, lembre-se disso e procure respirar dessa forma.

Não é indicado realizar a respiração com o peito porque seus ombros ficarão tensos, se movendo para cima e para baixo, o que é um gasto de energia desnecessário que você poderia aproveitar melhor durante a corrida.

Conte com ajuda profissional

Se você tem algum problema de saúde respiratório, é muito importante buscar apoio de um médico especialista ou de um fisioterapeuta esportivo.

Eles orientarão você melhor sobre o que deve fazer para melhorar o seu condicionamento físico, auxiliando a controlar a respiração na corrida.

No final da corrida

Ao estar próximo de finalizar a corrida ou se for passar por um trecho de subida, respire pela boca. Como você vai precisar de mais oxigênio nesses casos, essa necessidade é atendida, sem perder o ritmo da corrida, respirando pela boca.

Gostou das nossas dicas? Então respire fundo e bons treinos!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário