Como começar a correr: 6 dicas para iniciar hoje mesmo

Conheça a melhor forma de como começar a correr e quais os benefícios da corrida que irão ajudar você a entrar em uma vida saudável e esportiva.

como começar a correr

A corrida de rua pode ser um esporte maravilhoso para você que está começando no mundo do atletismo. Além de ser um dos melhores esportes para se manter saudável e no peso ideal.

Porém, é importante - e necessário - seguir algumas recomendações para evitar lesões logo no início do seu treinamento.

Qualquer pessoa pode praticar corrida e isso é uma das coisas que torna esse exercício tão popular - além de que é um esporte bem acessível financeiramente falando. Claro que é preciso mais do que força de vontade para praticar a corrida, já que isso envolve todo um processo de preparo e condicionamento físico. Isso porque é preciso respeitar a frequência cardíaca máxima particular de cada pessoa.

Outra coisa para manter em mente é que as horas de corrida precisam ser bem distribuídas ao longo da semana, principalmente por quem pratica esse esporte por vontade (ou necessidade) de perder peso.

Esse é um detalhe importante porque é preciso lembrar que o metabolismo continua acelerado por algumas horas após parar o exercício, de maneira que a queima de carboidratos continua acontecendo durante esse tempo.

Além disso, há muitos outros benefícios para quem pratica corrida de rua regularmente. Como, por exemplo, a melhoria no nível de colesterol, redução do risco de infarto, diminuição de estresse e problemas com depressão, melhora da função do rim, qualidade de sono e autoestima.

Como começar a correr?

De maneira geral, como começar a correr não é nenhum mistério. Se você tiver uma roupa, um tênis esportivo e a força de vontade, você já está pronto para começar.

Porém, para ter o melhor aproveitamento e evitar problemas (como desidratação e lesões) ao longo do caminho, as dicas a seguir farão com que você entenda melhor como se manter saudável e usufruir dos benefícios da corrida.

1. Cuidado com a alimentação

Antes de começar a correr, você precisa prestar atenção na sua alimentação. É vital que você tenha refeições bem balanceadas para não faltar nenhum nutriente na dieta. Dito isso, o que você precisa, imediatamente antes de sair para correr, é consumir carboidratos com baixo índice glicêmico, assim como a ingestão de frutas (tais como banana, maçã ou mamão) também recomendada até 15 minutos antes de começar seu treino.

Preste atenção também na sua alimentação pós-treino. A combinação ideal de proteína com carboidrato, com base na instrução de nutricionistas, costuma ser um combo perfeito para uma boa alimentação pós-treino.

Mais do que isso, é preciso beber muita água. A hidratação é uma parte essencial para que você consiga ter o melhor aproveitamento da prática esportiva.

2. Vestimentas adequadas

Outra coisa que vai ajudar você a ter um treino e corrida melhor e mais confortável são as roupas e os tênis que usar. Certifique-se de vestir tecidos leves e tênis específicos para esse propósito - você pode até mesmo descobrir qual o seu tipo de pisada e encontrar a melhor opção de tênis e amortecimento a partir disso.

Contudo, cuidado ao utilizar tênis novos no início do treinamento. Os seus pés precisam se adequar e amaciar bem o tênis para evitar machucados.

3. Alongamentos

Antes e depois de cada corrida (e da prática de qualquer exercício, na verdade) é preciso fazer alongamentos. Estes ajudam a evitar lesões e já funcionam como um ritual para o seu corpo entender o que está acontecendo.

Outras atividades que ajudam a complementar a corrida são a musculação, o treino funcional, o pilates e a yoga. Todos que são oferecidos pela maioria das academias hoje em dia - e a yoga, que você fazer até mesmo sozinho em casa, com a ajuda de um aplicativo.

Porém, vale ressaltar que nada substitui o acompanhamento de um profissional na área.

4. Boas noites de sono

Correr ajuda a melhorar seu sono e uma boa noite de sono pode tornar a sua performance melhor durante as corridas. As duas coisas caminham juntas, mas há também outras maneiras de melhorar a sua qualidade de sono, como:

  • Alimentação saudável;
  • Rituais de sono (escovar os dentes, passar fio dental, trocar de roupa, etc.);
  • Tomar um banho quente;
  • Dormir e acordar sempre no mesmo horário;
  • Evitar eletrônicos (tv, celular e computadores) duas horas antes de dormir.

5. Comece devagar

Não adianta querer fazer um treino pesado já na primeira semana que você começar a correr. Tenha calma e paciência que, aos poucos, mas rapidamente você vai chegar a um nível mais alto de treinos.

Você pode começar, por exemplo, fazendo exercícios e corridas mais lentas de 3 a 4 vezes na semana, durante 30 minutos e aumentar a intensidade e duração um pouco a cada mês.

Se você tem amigos e colegas treinando junto, é importante que você não torne isso uma competição. Siga seu próprio ritmo e não tente mais do que o seu corpo consegue aguentar.

6. Cuidado com as lesões

Mesmo algo tão benéfico quanto a corrida pode começar a fazer mal se for feito em excesso, então tome cuidado e mantenha sempre o equilíbrio entre exercícios, assim como treinos adequados.

Lesões na corrida podem ser bastante comuns se não for seguido o treino adequado, principalmente em locais como joelho, quadril, tornozelo e coluna.

A melhor dica para evitar lesões - e até se machucar - é fazer treinos de força, compatíveis com a sua experiência na corrida, sempre com a orientação de um profissional da área. Importante cuidar, também, para realizar um esforço físico adequado com o seu peso atual, evitando sobrecarga no movimento.

Lembrando que todo exercício leva um tempo de adaptação no corpo e os resultados não são imediatos, mas a sua prática regular proporciona uma melhora na saúde e, como já mencionado, em muitos campos da sua vida.

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

3 Respostas

Deixe seu comentário