14 dicas para quem quer emagrecer pedalando

Você pode emagrecer pedalando, basta conhecer alguns truques aqui e algumas dicas acolá. Para isso, nós trouxemos 14 sugestões que vão facilitar o seu processo de emagrecimento saudável. Confira!

Emagrecer pedalando

Emagrecer pedalando é fácil, basta gostar de andar de bike e entender que uma alimentação balanceada faz a diferença durante o processo.

Para conseguir perder uns quilinhos e diminuir alguns centímetros, você precisa ter foco e algumas horinhas vagas na sua semana.

Imagine poder realizar um esporte que, além de trazer inúmeros benefícios à saúde, como a redução do nível de estresse e ansiedade, ainda garante um emagrecimento saudável e prazeroso. Parece incrível, né? Veja como andar de bicicleta pode ajudar você nessa missão!

Andar de bicicleta emagrece?

Sim. O ciclismo exige bastante movimentação e energia de todo nosso corpo, por isso o gasto calórico costuma ser mais alto. Em média, 700 calorias são gastas a cada uma hora que você passa andando de bike, dependendo do seu ritmo de exercício, é claro.

Isso não quer dizer que você precise ultrapassar os seus limites físicos para perder uma grande quantidade de peso, ok?! Até porque exagerar na intensidade pode acabar prejudicando a busca pelo emagrecimento.

A explicação é bem simples: quando você exagera no esforço físico, seu corpo acaba ficando estressado e inflamado e, como forma de prevenção, acumula gordura na região do abdômen para amenizar os efeitos do cansaço extremo.

Sendo assim, a palavra-chave do treino de bike deve ser: equilíbrio, e o esporte deve ser usado não só para regular a intensidade, mas a alimentação e o tempo de descanso também.

Então, você deve estar se perguntando: como posso emagrecer pedalando? Continue a leitura abaixo e descubra!

Como emagrecer pedalando?

Para pedalar para emagrecer, você precisa começar com o básico: se alimente bem, beba bastante água e tenha boas noites de sono, pois é preciso se recuperar das atividades físicas e mentais para conseguir se manter saudável e ativo.

Depois de garantir esse combo inicial, é hora de pensar em outros detalhes que fazem a diferença, como a rotina de treinos.

Lembre-se de que a consistência e a persistência são os melhores amigos de quem faz qualquer exercício físico com o objetivo de perder peso ou criar massa magra para definição corporal.

Dito isso, confira 14 dicas práticas para conseguir emagrecer usando a sua bike com facilidade, diversão e qualidade. Boa leitura!

14 dicas para quem quer emagrecer pedalando

Mantenha o foco, controle a intensidade do exercício e lembre-se: treinar os membros superiores melhora seu condicionamento físico, resultando em um pedal com mais força, rapidez e menos fadiga.

Além disso, a quantidade de benefícios do ciclismo é enorme, resultando não só em um emagrecimento saudável, mas também em uma melhor qualidade de vida.

Para conseguir os resultados desejados, é só seguir as recomendações que listamos para você.

1.  Comece devagar

Não exagere logo de começo, pois seu corpo, além de não estar preparado, vai trabalhar de maneira contrária ao que você deseja, armazenando gordura e energia para um bom funcionamento.

Se você não tem o hábito de realizar atividades físicas, comece a pedalar duas vezes por semana em estradas sem curvas, com pouco movimento e no máximo 30 minutos por dia. Aos poucos, aumente o trajeto e o tempo.

2.  Ganhe resistência

Para ganhar resistência, é preciso aumentar a quantidade de vezes que você pratica o exercício por semana e não só a intensidade dele.

Aumente aos poucos a distância, a intensidade, a dificuldade e o tempo, respeitando seus limites.

3.  Aumente o percurso

Aumente o percurso devagar e lembre-se de que quanto maior for o trajeto e menor for o tempo usado para realizá-lo, maior será a quantidade de gasto calórico.

4.  Crie objetivos possíveis

Se você não tem o hábito de andar de bike, não comece criando objetivos praticamente impossíveis, como pedalar por longos quilômetros logo de início e sem prática, já que, além de ser difícil para um iniciante, esses desafios podem tornar o processo muito desanimador.

5.  Aposte na recuperação

A recuperação permite que seu corpo atinja o resultado que você deseja sem trazer complicações para a sua saúde. Por isso, durma no mínimo 8 horas por noite e evite telas e músicas altas no mínimo duas horas antes de dormir a fim de melhorar a qualidade do seu sono.

6.  Tenha uma rotina

Crie uma rotina para poder caprichar na qualidade dos seus exercícios, estabeleça horário e até a quantidade de vezes que o esporte será praticado. Se precisar, organize uma tabela de treino, especificando quais dias serão mais intensos e quais serão mais tranquilos.

7.  Controle a intensidade

Para emagrecer, é preciso que o exercício tenha intensidade, ou seja, pedalar como forma de passeio pode até ajudar a eliminar poucas calorias, mas nada que faça grande diferença na balança.

Para realmente perder peso, você precisa intensificar a atividade, estipular o tempo de pedal, aumentar a velocidade e controlar o ritmo. Quanto mais rápido você pedala, mais calorias você consegue perder.

8.  Treine os membros superiores

Treinar musculação intercalada com o ciclismo é uma boa dica para melhorar a resistência, a condição física e, claro, alcançar o objetivo desejado em menos tempo.

Ao treinar os membros superiores na musculação, você começa a sentir menos dores na lombar e nos braços durante o ciclismo, podendo aumentar seu tempo na bike e, por consequência, perder mais peso.

9.  Cuide da quantidade de massa magra corporal

É preciso dizer que nem sempre perder peso está associado apenas com a perda de gordura. Muitos ciclistas acabam perdendo mais massa magra do que gordura de fato quando começam a buscar dietas e soluções rápidas de emagrecimento, e isso acaba prejudicando o desempenho do atleta, deixando-o mais lento e mais fraco.

10.  Não pule refeições antes de praticar o ciclismo

Há quem goste de praticar exercícios em jejum, mas é preciso dizer que essa prática pode trazer algumas complicações, como tonturas, desmaios e náuseas em atletas que não estão acostumados.

Por outro lado, praticar atividade física com o estômago cheio também não faz bem, por isso, é importante que haja um intervalo adequado de descanso entre a refeição e o esporte.

11.  Cuide da alimentação

Cuidar da alimentação não é sinônimo de dietas invasivas, ok? Para conseguir andar de bike e se manter saudável, é necessário consumir alimentos ricos em proteínas, vitaminas, minerais e carboidratos, mantendo seu corpo ativo, saudável e com bastante energia para então poder queimar as calorias.

12.  Evite açúcar e comidas pesadas

Vai andar de bike? Não faça o consumo de doces e comidas pesadas ou industrializadas antes da atividade, pois isso pode atrapalhar seu desenvolvimento e ainda causar desconforto durante o treino. Dê preferência às frutas, cereais e shakes específicos para pré-treino.

13.  Beba água

Se manter hidratado é tão importante quanto ter uma boa alimentação, pois a quantidade adequada de água faz com que os nutrientes sejam transportados para o corpo com mais facilidade durante a atividade, além disso, o líquido ajuda a regular a temperatura corporal e lubrifica as articulações.

14.  Aproveite o pedal

O ciclismo pode ser sinônimo de diversão, percorrendo grandes distâncias, fazendo cicloturismo para conhecer novos lugares e fazer amizades. Você vai até esquecer que está praticando atividade física com o intuito de emagrecer.

A bike pode ajudar você a melhorar sua saúde física, mental e emocional, por isso, aproveite cada segundo sobre duas rodas. Bom pedal para você!

Material enviado com sucesso!

Em alguns instantes você vai receber os materiais na caixa de entrada do seu e-mail. Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

14 Respostas

Deixe seu comentário